Frequentemente sou questionado sobre como mantenho a minha satisfação e o olhar sereno ainda  lá pelas nove da noite iniciando a última massagem do dia. Para o preparo físico e mental do terapeuta, já forneci algumas dicas quando postei sobre meditação e Chi Kun mas no decorrer da massagem,  existem algumas práticas que ajudam a manter a energia vital fluindo em harmonia. Isto para que ao final da massagem não estejamos exaustos.

  1. Inicie a massagem com a mente calma e os gestos seguindo esta vibração.
  2. O primeiro toque no cliente deve estar repleto de respeito, atenção e intensão positiva  pura .
  3. Gradualmente  a força será aumentada, se  adequando as necessidades de cada momento. Nem mais nem menos. A sensibilidade aguçada  do terapeuta é indispensável.
  4. Deixe que energias, principalmente céu e terra, fluírem  por você e que  sejam armazenadas no abdome.
  5. Os gestos de expanção devem estar seguidos por um abdome contraído  e da expiração.
  6. Use as pernas, bem firmes no chão, para fazer um balanço  e assim poupar os braços.
  7. Fiscalize a postura e nunca force principalmente os músculos das costas e ombros. Encontre a forma correta de fazer as manobras sem danificar a si mesmo.
  8. No final da massagem procure modificar a vibração e adequa-la aos poucos com a forma que você pretende deixar o cliente.
  9. Seja o guardião da sua energia.

E não se esqueça de ir regularmente ao seu massoterapeuta para manter o seu corpo jovem e vitalizado.

Boas  massagens!