Nem sempre o profissional terapêutico iniciante as práticas meditativas terá condições de obter uma concentração que dê a ele satisfação. Então uma das técnicas mais simples de se atingir um estado mais profundo é iniciar de forma gradual não dando muitos desafios a mente.

Por exemplo, quando usamos um ponto luminoso, assim como uma vela ou incenso, esta experiência acalma e relaxa ao observar. Propicia a criação de pensamentos claros e positivos gerados intencionalmente para afirmar pontos que criam uma transformação interior com novas perspectivas. Não há necessidade de pensar em conseguir uma experiência mágica. Apenas provoque os pensamentos elevados.

O meditante permite haver uma dissociação gradativa entre o que os olhos vêem e o que a mente sente e pensa.