O simples fato de respirar parece algo muito elementar e que todos fazem de forma natural sem maiores problemas. Na prática as coisas não são bem assim.  Uma respiração feita com eficiência é fundamental para a obtenção  de energia e oxigênio para os pulmões. Muitas pessoas normalmente respiram inflando a parte superior do tórax movendo também pescoço e os ombros ao mesmo tempo que contraem o abdome. A realização   desta forma é muito conhecida como respiração torácica e não é a mais saudável de se fazer. A respiração mais adequada, inclusive para o relaxamento, é a diafragmática onde a caixa torácica e o abdome expandem. Para ter uma maior  consciência corporal, faça este exercício:

Coloque uma mão sobre o peito e outra sobre a  barriga. Inspire e expire pelo nariz fazendo com que a mão que está sobre a barriga  suba e desça. A que está sobre o peito,  deve ficar paradinha. Também não force a barriga: ela vai se movimentar passivamente, de acordo com a entrada e a saída de ar. Aí está a respiração diafragmática.

Repare como é muito mais relaxante e agradável.